Cirurgia plástica, transplante capilar, estética.

            A Blefaroplastia consiste na retirada do excesso de pele das pálpebras, superior e/ou inferior, dependendo da necessidade, tratando também do possível excesso de gordura das bolsas palpebrais que ocasionam um aspecto cansado da região dos olhos.

            A cirurgia é feita com incisões na prega das pálpebras superiores e junto aos cílios na parte inferior. As bolsas de gordura que ficam logo abaixo dos olhos são retiradas e é feita a sutura. Algumas vezes utilizamos as suturas absorvíveis, com colas especiais de grau cirúrgico, em outras ocasiões optamos por pontos de Nylon que são retirados em torno de 5 dias.

            Quando só precisamos retirar as bolsas de gordura inferiores, as incisões podem ser feitas dentro da mucosa dos olhos, evitando qualquer cicatriz na pele externa.

            A cirurgia é recomendada para homens e mulheres, trazendo um resultado mais jovial e harmônico com a face.

            Existem casos em que a cirurgia também convém para corrigir problemas de ordem funcional, quando com a idade, a pele pode cair de tal forma que começa a comprometer a visão.

            Não existe uma idade específica para esta cirurgia. Já retirei tanto bolsas palpebrais de meninas de 18 anos, como excesso de pele em pacientes de 85 anos.

Perguntas Frequentes

1- Qual é o tipo de anestesia?

R: Normalmente fazemos este procedimento apenas com sedação e anestesia local, porém podemos fazer com anestesia geral, se esta for a opção do(a) paciente.

2- Como se comporta o pós-operatório?

R: Existe um edema (inchaço) e pode haver algumas equimoses (roxos) que cedem em poucos dias. Normalmente não é um pós-operatório doloroso, quando muito, utilizamos analgésicos normais para controlar a dor e também recomendamos compressas geladas nos olhos, que aliviam o desconforto.

3- Qual é o tempo de internação?

R: Em torno de 6 a 8 horas.

4- As rugas finas ao redor dos olhos desaparecerão com a Blefaroplastia?

R: Essas marcas (”pés de galinha”) são resultantes do movimento da musculatura em volta dos olhos, elas diminuem, mas não desaparecem com a cirurgia.

5- Em quanto tempo poderei retornar às atividades normais? E quanto aos exercícios físicos?

R: Após 2 ou 3 dias o paciente já sente apto à retornar as suas atividades normais, podendo haver ressalvas por parte de alguns já que há casos em que as equimoses (roxos) perduram de uma semana a 10 dias, estas podem ser disfarçadas com maquiagem. Quanto às atividades físicas, o paciente poderá retornar após uma semana a fazer exercícios moderados, como caminhadas, bicicleta, etc., aumentando a carga gradativamente sob orientação de seu médico.

Considerações Finais

                        Uma boa avaliação e esclarecimentos entre médico e paciente são muito importantes para a realização de qualquer procedimento cirúrgico.

Para submeter-se à Blefaroplastia você será orientado(a) a fazer os exames pré-operatórios para avaliar as suas condições físicas e seguir a orientação se seu médico cirurgião quanto aos cuidados pré e pós-operatórios, que em muito contribuirão para um bom resultado.

Qualquer processo cirúrgico tem seus riscos, em geral estes são: irritação da região operada; infecções são possíveis apesar de todos os cuidados, mas são extremamente raras; sempre existem cicatrizes em todos os locais onde foram feitas as incisões e alguma assimetria pode acontecer, o resultado das cicatrizes, apesar de feitas dentro da melhor técnica possível, depende muito mais do processo cicatricial de cada indivíduo e do seguimento correto das recomendações pós-cirúrgicas de seu médico; necroses de alguns locais podem ocorrer, embora que muito raramente, em qualquer cirurgia, a frequência é maior entre os fumantes.